Menu

Notícia Capixaba - Navegação

Home Venda Nova do Imigrante Polícia

Polícia


Secretária quase cai no golpe da lista telefônica em Venda Nova

 

09.06.2017

 

 

Foto: Divulgação/Internet

Célebre há alguns anos, o golpe da lista telefônica perdeu um pouco da mídia que tinha, mas continua a fazer vítimas no país. Nesta semana, os golpistas quase fizeram uma vítima em Venda Nova, na região serrana do Estado.

 

Segundo informações da Rádio FMZ, uma secretária, que não quis se identificar, contou que recebeu um e-mail, informando a necessidade de atualização dos dados do titular da linha telefônica, no caso, o seu chefe. A moça, então, retornou o documento com as informações requisitadas. Em momento algum, segundo ela, foi dito que haveria algum custo ou inserção do nome da empresa em alguma lista. Era apenas atualização dos dados, informava o e-mail.

 

Algum tempo depois, chegou um boleto ao escritório e a secretária recebeu, ainda, uma ligação informando um débito, por conta da inserção do escritório em uma lista telefônica. Do outro lado da linha, informaram ser de um cartório de protesto de títulos. 

 

"Disseram que a dívida era de R$ 6 mil, e estava no nome do meu chefe. Fiquei assustada, pois eu havia feito o trâmite. Daí, conversei mais com o rapaz no telefone e consegui baixar a dívida para R$ 2,3 mil. Eu ia pagar, estava assustada. Mas felizmente conversei com uma advogada que buscou informações sobre a empresa. Ela disse que o CNPJ que constava no boleto não existia. Além disso, ela falou que cartório não faz cobrança por telefone", conta a moça. 

 

E casos assim não são novidade. Há alguns anos, um comércio da cidade precisou recorrer à ajuda de um advogado para fazer com que a cobrança parasse. "Eles nos ligaram durante um ano. Uma funcionária, no primeiro contato, passou alguns dados da empresa, eles emitiram um boleto e ficaram nos cobrando pela inserção do nome do estabelecimento em uma lista telefônica. E chegaram a nos ameaçar. A história só parou quando o advogado que contratamos fez contato com eles e ameaçou processá-los", disse o proprietário. 

 

Confira as orientações do Procon para não cair no golpe:

 

- Oriente funcionários a jamais repassarem dados ou qualquer outra informação via telefone ou e-mail;
- Não efetue contratações por telefone ou verbalmente com quem você desconhece;
- Antes de passar quaisquer dados da empresa certifique-se com quem está falando;
- Nunca forneça dados pessoais ou da empresa para desconhecidos;
- Não assine recibo, formulário, contrato ou qualquer espécie de documento sem ler todas as cláusulas atentamente;
- Não aceite documentos com campos em branco que permitam o preenchimento posterior;
- Fique atento a cláusulas escritas com letras de tamanho menor do que das demais;
- Não exponha os dados cadastrais da empresa em cartões de visitas;
- Nenhum cartório liga para a empresa informando o protesto ou ameaçando;

 

 

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

 

Comentários Facebook


Agora ficou mais fácil para você leitor,
sugerir pautas e interagir com o jornal.

 

  (28) 99938-5959

  noticiacapixabaes@gmail.com

 

Siga-nos no Facebook!

Notícia Capixaba

 

O Portal Notícia Capixaba é campeão de acessos no segmento de portais de notícias regionais e se esforça para atender o cidadão com o que há de mais profissional em informação.

 

© 2017 Notícia Capixaba. Todos os direitos reservados.