segunda-feira,
24 de junho de 2024

Pedreiro é assaltado e tem carro levado em Venda Nova

Antônio Carlos Lorenção (46) foi abordado por dois homens no bairro Vila Betânea quando saía de uma padaria

Um pedreiro foi assaltado quando saía de uma padaria em Venda Nova do Imigrante na noite da última segunda-feira (11). Antônio Carlos Lorenção (46) foi abordado por dois homens no bairro Vila Betânea. Um dos bandidos estava armado. Ele foi levado no próprio carro, um Gol prata, até a localidade de Mata Fria, em Conceição do Castelo, onde foi solto. A vítima não sofreu agressões.

Antônio contou que foi abordado por volta das 19h quando saía da padaria que fica na Avenida Ângelo Altoé. Ele disse que um dos assaltantes manteve a arma apontada para a sua cintura. Ao passar pelo Bairro Bananeiras, ainda em Venda Nova, os homens pararam para pegar um comparsa.

O pedreiro contou que foi mantido de cabeça baixa no banco traseiro do veículo durante todo o trajeto, para que não fosse visto. Os assaltantes diziam que levariam o carro para fazer um trabalho e depois o abandonariam. Antônio foi deixado em uma estrada de chão que liga a BR 262 à localidade de Mata Fria, no local conhecido como Pinga Fogo.

“Eles me deixaram lá com as mãos amarradas com fita e disseram para eu não olhar para cima, senão me matariam. Eu esperei eles irem embora para sair e pedir ajuda. Ninguém queria parar quando me via, porque tinham medo”, contou Antônio. Ele conseguiu pedir socorro em uma lanchonete próxima ao local onde foi deixado.

Os assaltantes fugiram levando o carro da vítima, além de outros pertences e documentos. A Polícia ainda não localizou o veículo.

Com informação de Valdinei Guimarães/radiofmz.

 
Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *