segunda-feira,
24 de junho de 2024

Prefeitura de Vargem Alta entra com liminar para evitar greve no transporte escolar

Notícia Capixaba.

A Prefeitura de Vargem Alta, região serrana do Estado, enviou nesta quarta feira (10) uma liminar ao Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) para evitar uma nova greve no transporte escolar do Município.

A Desembargadora que recebeu a medida pleiteada entendeu o dano irreparável pela ilegalidade, e concedeu ao Munícipio liminar determinando a imediata suspensão do movimento grevista, fixando multa diária de dez mil, para o caso de descumprimento da decisão.

Através da assessoria de imprensa, o Executivo enviou em nota que, após recusa dos grevistas em fazer a entrega das chaves dos veículos para impedir o uso dos veículos, a Procuradoria Geral do Município ajuizou ação de obrigação de fazer junto à comarca de Vargem Alta, tendo sido deferida medida liminar pleiteada no sentido de determinar aos motoristas a restituição das chaves dos ônibus escolares.

De acordo com o prefeito João Bosco, o Bosquinho, a greve é considerada ilegal já que, na visão da Prefeitura, a reunião marcada não foi cumprida.

O Sindicato dos Servidores Públicos de Vargem Alta informou que não foi notificado sobre a liminar, e que a paralisação e as manifestações vão de continuar.

 

 
Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *