sábado,
13 de abril de 2024

Fim de semana violento na Região Serrana do Estado

Um grave acidente na Rodovia 484, que liga Afonso Cláudio a Laranja da Terra, deixou um jovem morto e outro gravemente ferido às 14h deste domingo (10). Abel Brademburg, de 18 anos, faleceu após a moto que pilotava bater em uma árvore. O outro rapaz, de 15 anos, teve ferimentos nas pernas e braços, foi levado pelo SAMU para o Hospital São Vicente e depois trasnferido para o Hospital São Lucas, em Vitória.

Segundo a escrivã da Polícia Civil, Elizete Cola, no boletim de ocorrência consta que Abel conduzia a moto, uma Honda CG 150. Os rapazes saíram da localidade de Serra Pelada, onde residem, com destino a Arrependido. Na altura do Km 8 da rodovia, o rapaz que pilotava perdeu a direção da moto e bateu em uma árvore. Abel faleceu no local e o jovem de 15 anos foi socorrido, com lesões graves nas pernas e fratura em um dos braços.

Bebida e direção

Mais casos de violência no trânsito. No domingo (10), três pessoas foram detidas por embriaguez ao volante. Os casos aconteceram em Conceição do Castelo, Afonso Cláudio e Laranja da Terra. “Nos três casos, houve colisão com outros veículos, mas sem feridos. Além disso, em dois dos casos os motoristas dirigiam sem habilitação”, conta a escrivã.

Além da fiança para serem liberados, os três homens pagarão multa por dirigir após ingestão de bebida alcoólica. Os dois rapazes que não tinham carteira também pagarão multa pela falta de habilitação.

Lei Maria da Penha

Além da violência no trânsito, o final de semana ficou marcado também por agressões domésticas. Um homem foi preso em flagrante, em Alto Viçosinha, Venda Nova do Imigrante, após agredir a esposa. O caso aconteceu no domingo (10), às 13h. Segundo Elizete Cola, o homem agarrou a mulher pelo pescoço e ela, na tentativa de se proteger, ficou lesionada. “Quando ela correu, ele ainda jogou um facão na direção da mulher”, disse a escrivã.

Um dos filhos tentou proteger a mãe, entrou em luta corporal com o pai e, depois, chamou a polícia. Segundo o boletim de ocorrência, o homem estava embriagado quando agrediu a esposa. “Como a mulher saiu lesionada, independe da vontade dela denunciar. Foi flagrante. É uma ação pública incondicionada”, disse a escrivã, explicando que, independente de a mulher prestar queixa, o homem ficará preso e será transferido para o Centro de Triagem de Viana. Ele poderá ser solto após pagar fiança de R$ 4 mil.

Outro caso de violência doméstica aconteceu também no domingo (10), em Marechal Floriano. Um homem ameaçou matar a mulher. Após a denúncia, eles foram para a delegacia. “A fiança estipulada também foi de R$ 4 mil. O homem já tem outros processos, um deles, por agredir a irmã”, disse Elizete Cola.

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.
Array

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *