terça-feira,
20 de fevereiro de 2024

Polícia faz cerco na BR-262 e prende dupla envolvida em assalto a taxista em Vitória

Um assalto a um taxista em Vitória terminou em um cerco na BR 262. O caso aconteceu às 20h30 desta terça-feira (2). Dois homens, M.M.S., de 21 anos, e J.A.R., de 30 anos, entraram em um táxi na Ilha do Príncipe, próximo à Rodoviária de Vitória, segundo a Polícia Civil. Quando chegaram nas proximidades de Viana, os bandidos anunciaram o assalto. O motorista do táxi, que trabalha em uma empresa, foi então para o banco de trás do veículo e um dos homens assumiu a direção do táxi. O que mais chamou a atenção dos policiais foi que os dois homens já tinham sido presos e ambos estavam em liberdade e deveriam usar tornozeleiras eletrônicas. Os homens afirmaram que simplesmente cortaram os aparelhos e os retiraram dos tornozelos.

De acordo com o boletim de ocorrência, antes de pegar a estrada rumo à Região Serrana, eles passaram em uma boca de fumo e compraram crack. Enquanto isso, o proprietário da empresa de táxi tentou contato com o motorista que estava rendido e não conseguiu falar. Isso já gerou, na empresa, suspeita de assalto. Em uma das ligações, segundo a polícia, o motorista foi obrigado pelos bandidos a atender a chamada e falar que estava indo para Guarapari. O veículo, no entanto, tem rastreador e o proprietário da empresa de táxi teve então certeza que tratava-se de um assalto e acionou a polícia.

Chegando ao trevo de Santa Isabel, segundo o boletim de ocorrência, viaturas da Polícia Militar deram ordem de parada ao veículo, que furou o bloqueio e continuou a viagem em alta velocidade. No trevo de Domingos Martins outras viaturas aguardavam a chegada do carro para dar ordem de parada. Nisso, o assaltante que estava ao volante fez uma manobra brusca, entrou em uma rua sem saída e bateu o carro em uma área de matagal.

Houve tiros, mas ninguém ficou ferido. Segundo o taxista, os bandidos o renderam com uma faca. Um dos assaltantes é natural de Iúna, por isso a polícia suspeita de que era esse o destino dos dois homens. O taxista prestou depoimento e já voltou para casa. Já os dois bandidos farão exame de corpo de delito e serão levados para o Centro de Triagem de Viana.

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *