domingo,
14 de julho de 2024

Adolescente é apreendido suspeito de matar homem e incendiar carro em Venda Nova

Foto: PCES

 

Redação

 

Um adolescente de 15 anos foi apreendido em Ibatiba pela equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Venda Nova do Imigrante, suspeito de ser um dos autores do latrocínio cometido no dia 21 de março, em Alto Caxixe. A apreensão ocorreu, nessa quarta-feira (26), com o apoio da Polícia Militar (PMES) de Ibatiba e, durante a abordagem, o adolescente assumiu ser um dos autores do crime.

 

Na mesma data, após ter ciência de um mandado de prisão aberto em seu desfavor, outro suspeito de 18 anos, se apresentou ao Departamento de Homicídio de Proteção à Pessoa (DHPP). Ele foi preso em abril e liberado quando venceu o mandado de prisão temporária. Porém, com o encerramento do inquérito, o juiz decretou novamente a prisão, sendo essa preventiva. 

 

A vítima é Amauri Bissoli, morto aos 32 anos. O corpo dele foi encontrado em uma propriedade rural, em meio a uma plantação de pêssegos, dentro do próprio veículo, que foi incendiado. 

 

“As investigações apontaram que o homem tinha um relacionamento com a vítima e tinha o intuito de roubar e matar ele”, relatou o titular da DHPP de Venda Nova do Imigrante, delegado Alberto Roque Peres.

 

Investigações

 

Ao iniciar as diligências, os policiais descobriram que o suspeito comprou combustível em um posto que fica na mesma região do crime, por volta das sete horas da noite do dia 21 de março, em companhia do adolescente de 15 anos. A compra foi registrada por câmeras de videomonitoramento.

 

Em depoimento, o detido negou a autoria do crime, depois entrou em contradição. Por fim, optou por dar declarações apenas em sede judicial. Na ocasião, o adolescente também foi ouvido e disse que a intenção, desde o início, era roubar e matar a vítima, para usar o dinheiro na compra de entorpecentes. Ele foi liberado, pois não havia contra ele mandado de apreensão.

 

“O carro, segundo o depoimento, já estava negociado, mas o comprador não apareceu. Ele afirmou ainda que mataram a vítima asfixiada com um saco plástico, incendiaram o veículo e levaram um celular e um mil reais em dinheiro”, disse o delegado.

 

Com a finalização do Inquérito Policial, o adolescente foi autuado pelo crime infracional análogo ao crime de latrocínio e o homem foi autuado por latrocínio. O menor infrator foi encaminhado à Unidade de Internação Provisória de Cachoeiro de Itapemirim. Já o homem foi encaminhado ao Centro de Triagem de Viana (CTV).

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *