terça-feira,
16 de abril de 2024

Operação da Polícia Civil prende trio suspeito de tentar matar quatro pessoas em Cachoeiro

Foto: PCES

 

Redação

 

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), realizou, na manhã desta sexta-feira (05), uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão domiciliar e de prisão temporária em desfavor dos envolvidos numa quádrupla tentativa de homicídio, ocorrida na localidade de Conduru, zona rural de Cachoeiro de Itapemirim. Esse crime foi no último dia 19 de março, quando três mulheres e um homem foram atingidos por disparos de arma de fogo, efetuados por ocupantes de uma motocicleta.

 

O delegado Felipe Vivas informou que, durante as diligências, as equipes da Divisão de Divisão de Homicídios e Proteção à Criança (DHPP), da Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC), da 7ª Delegacia Regional e da Delegacia de Castelo estiveram nos bairros Santo Agostinho, Esplanada e Vila Barbosa, em Castelo, efetuando o comprimento de três mandados de prisão em desfavor de três jovens, sendo um de 26 anos; outro, de 22 e, o terceiro, de 20 anos.

 

Além deles, segundo o delegado, outro homem foi flagrado com 28 pinos de substância similar à cocaína, um revólver calibre 32 e cinco munições do mesmo calibre. Ele foi apresentado à autoridade policial de teleflagrante, para deliberar sobre a autuação em flagrante delito. Os policiais também lavraram um termo circunstanciado (TC), em relação a um rapaz, de 26 anos e a outro, de 18 anos, por estarem mantendo em cativeiro quatro pássaros da fauna silvestre. Outro jovem, de 22 anos, assinou um TC, por estar com uma porção de maconha.

 

Durante a operação, ainda, um rapaz, de 20 anos de idade, foi apresentado à autoridade policial de teleflagrante por praticar crime de lesão corporal e resistência, ao ser abordado pelos policiais. De acordo com o delegado Felipe Vivas, nos fundos de um imóvel sem relação com a investigação, os policiais apreenderam cerca de 260 gramas de cocaína, além de 31 pinos plásticos contendo substância semelhante à mesma droga.

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.
Array

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *