terça-feira,
16 de abril de 2024

O 1º supermercado de Marechal Floriano

“Praça José Henrique Pereira em Marechal Floriano – 1969”

Giovana Schneider 

SUPERMERCADO JUREMA 

Para começar a falar deste supermercado. Em primeiro lugar precisamos falar do senhor Josely Pereira, mais conhecido como o seu Paulinho Pereira. 

JOSELY PEREIRA

Foto divulgação 

Nasceu em Sapucaia, atual Parajú, Domingos Martins/ES. 24 de dezembro de 1935. Faleceu em 17/07/2020. Filho de Ercílio Henrique Pereira e Maria Fausta Simões Pereira. Sendo um homem de visão, em 1959 abriu a Mercearia Yara, para isso fez um empréstimo com o Ary Ribeiro da Silva, que pagou rigorosamente. No início da década de 60, teve uma banca de jogo de bicho em sociedade com seu Ary, mas, como ele mesmo falou, foi uma sociedade rápida, a banca faliu e, caiu na gargalhada (ainda vou contar esta história).

Com a construção da rodovia, ampliou seu comércio, mesmo neste local, onde trabalhavam seus irmãos José Carlos Pereira, o Cacau, Helvécio Pereira e Lúcio Pereira

Mais tarde transferiu o comércio para praça José Henrique Pereira, com o nome Mercearia Jurema. Ampliou colocando armarinho e roupas, mais tarde ferragens. Em 1972, já com grande movimento ampliou o local e passou a chamar Supermercado Jurema.

Fonte: Sr. Paulinho Pereira

Por que o nome: Paulinho Pereira?

É uma história muito interessante. Ele que me contou. Quando seu Paulinho nasceu, naquela época se batizava logo, pois, poderia acontecer alguma coisa e a criança morrer pagã, o seu pai levou logo para batizar e o batizou de Luiz Paulo, sua mãe não gostou, ela gostava muito de poesia, falou que o nome dele seria de um poeta, Josely, demorou um pouco para registrá-lo, assim o chamavam de Paulinho e, no dia que sua mãe registrou, o nome foi Josely Pereira. Seu Paulinho lembra de quando tinha uns sete aninhos, um tio falou, lá vem uma mulherzinha, que o nome era de mulher e tal, ele foi ter com sua mãe, que não queria aquele nome de mulher para ele. Assim o nome Paulinho pegou. Já teve muitos problemas, um amigo juiz falou que se ele quisesse poderia mudar, o Sr. Paulinho achou melhor não, e continuou com o seu Paulinho e, o Josely, que praticamente ninguém conhece, continua no registro.

Fonte: Badeco Pereira

Fonte: Jair Littig

Quando estava começando a ser calçado ao redor da praça José Henrique Pereira, que segundo o senhor Paulinho Pereira, foi ele que na época custeou, pois, o calçamento feito pela prefeitura foi somente até o Bar América.  

Praça José Henrique Pereira em Marechal Floriano – 1989 – Supermercado Jurema. Foto Jair Littig

Muitas lembranças, não somente os moradores de Marechal Floriano, guardam deste supermercado. Nos sábados sempre havia movimento. Marechal sempre teve muitos sitiantes.  Além de ter sido uma boa oportunidade de emprego na época. O Supermercado Jurema, era muito conhecido nas redondezas. O garrafão do vinho Ballardin, ofertado nos natais aos fregueses, era uma tradição. 

Fonte: Sr. Paulinho Pereira Foto: Roberly Pereira

E essa linda praça em frente, era um toque a parte, não pude me conter e, fiz um poema.

PRAÇA 

Até parece um quadro, nossa querida, praça.

Tão linda e, tão aconchegante,

Chamada carinhosamente, 

De pracinha.

Tantos encontros, tantas conversas,

Brincadeiras de criança,

Namoricos, olhares furtivos,

Toda Praça, tem histórias,

Que ficam na memória. 

Giovana Schneider 

FONTES: Historias do Comércio – Indústria e Serviços de Marechal Floriano/Jair Littig 

Livro: Marechal Floriano – Resgatando Memórias/Giovana Schneider 

Giovana Schneider: Escritora, poeta, contista e colunista. Ocupante da cadeira de nº 06 da AFHAL (Academia Florianense de História, Artes e Letras “Flores Passinato Kuster”).

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.
Array

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *