quarta-feira,
29 de maio de 2024

Assista: Polícia Civil prende donos de clínica e enfermeira por cárcere privado e desobediência de ordem judicial em Piúma

“A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Piúma foi até o local após um pedido do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES)”.

Redação

Atendendo ao pedido do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), uma equipe de policiais civis da Delegacia de Polícia (DP) de Piúma, se deslocou nessa quarta-feira (24), a uma clínica terapêutica, localizada no bairro Praia de Acaiaca, em Piúma, com o objetivo de verificar o número de internos presentes, bem como obter informações sobre as datas de acolhimento, uma vez que, conforme informações do MPES, a instituição foi intimada a se abster de receber novos internos. Assista no vídeo acima.

Ao adentrarem no local, vários internos prontamente informaram estarem na clínica contra a vontade. Além disso, alguns deles relataram terem entrado após a data imposta pelo MPES. Todos os internos que declararam estar em cárcere privado foram levados à delegacia para prestar depoimento. Os responsáveis pelo local também foram encaminhados à delegacia.

Duas mulheres, de 25 e 32 anos, e um homem, de 53 anos, foram autuados em flagrante por cárcere privado (6x) e desobediência de ordem judicial, sendo encaminhados ao sistema prisional.

Os prontuários com informações dos internos foram apreendidos e, após os procedimentos legais, os internos ficaram sob a responsabilidade da assistência social do município de Piúma.

As investigações seguem em andamento para apurar supostos crimes de tráfico de drogas e estupro. Demais informações devem ser solicitadas ao Ministério Público (MPES).

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.
Array

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *