sexta-feira,
12 de julho de 2024

Queda acentuada no número de acidentes e óbitos na BR-262 em 2023, revelam dados da PRF

Redação

Em relatório recente da Polícia Rodoviária Federal (PRF), foi revelada uma queda marcante no número de acidentes e óbitos ocorridos na BR-262 durante o ano de 2023. Os dados comparativos entre 2022 e 2023 destacam uma tendência positiva em termos de segurança viária ao longo desta importante rota nacional, que interliga o estado do Espírito Santo com Minas Gerais, Brasília, dentre outras localidades.

Segundo as estatísticas da PRF, os acidentes graves na BR-262 em 2023 totalizaram 125 ocorrências, em contraste com os 147 registros de 2022. Isso representa uma redução importante de 15%, indicando uma melhoria nas condições de segurança ao longo da via.

A redução mais significativa, no entanto, foi observada no número de óbitos: enquanto em 2022 foram registradas 44 fatalidades, em 2023 esse número diminuiu para 24, representando uma queda de 45,5%. Esses números demonstram significativo progresso e refletem os esforços contínuos das PRF em promover medidas de prevenção e conscientização.

Esta redução expressiva nos índices de acidentes e óbitos esta atribuída a uma combinação de fatores, incluindo a intensificação das operações de fiscalização e a implementação de programas educacionais para os motoristas.

Apesar dos progressos, ressaltamos a importância da vigilância contínua da PRF e do cumprimento das leis de trânsito por parte dos condutores, sempre com vistas à garantia dessa tendência positiva, proporcionando mais segurança e cidadania a todos que utilizam a BR-262.

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *