quinta-feira,
18 de julho de 2024

Coluna Pinga-Fogo: Eleição 2024, em Marechal. Cabral: Um homem, e três escolhas. As previsões do futuro de Cacau

“Essa Coluna campeã de acesso do portal Notícia capixaba, “Pinga-Fogo”, não se trata de matéria jornalística e sim de opiniões e, revela o que vem acontecendo nos bastidores políticos dos municípios da Região Serrana do Estado”.

Marechal Floriano

O vice-prefeito de Marechal Floriano, João Cabral (PSDB) está mais vivo do que nunca, na corrida eleitoral da cidade serrana. Após ser noticiado, por esta coluna, sobre estar a perigo de não se viabilizar como candidato à Prefeitura Municipal, o tucano se mexeu e está perto de selar seu ‘casamento eleitoral’.

As possibilidades se ampliaram e, agora, de acordo com fontes consultadas, ele pode ser candidato a vice, em uma chapa viável, disputar como cabeça de chapa, ou ainda se dar ao luxo de encarar uma disputa tranquila para vereador.

Uma análise breve, nos deixa entender ser mais forte a última opção, pois além de ter muitas chances de ser novamente o vereador mais votado da cidade, Cabral poderá se articular para ocupar a presidência da Casa, pela terceira vez, cargo em que se destacou por ter criado o Espaço Cidadão, com oferta de diversos serviços e atendimento ao público, na sede da Câmara e tem grande fluxo diário de usuários.

Reforçaria essa tese, o fato de Cabral ser conhecido como um dos vereadores que buscou mais recursos de convênios e emendas para a cidade e sua habilidade de articulação com autoridades estaduais e de Brasília, para viabilizar esses recursos para Marechal Floriano.

De Cabral para Cacau

Passando do vice-prefeito, para o chefe do Executivo florianense, e as previsões do futuro político das lideranças da cidade, Cacau Lorenzoni (PSB) ainda tem nove meses à frente da prefeitura e já surgem, nos bastidores, rumores de sondagens do Governo do Estado, sobre um possível convite, para atuar próximo ao governador Renato Casagrande, após a conclusão de seu mandato.

As pastas, de Esportes e Agricultura, parecem ser o caminho natural para seguir, mas até lá, o prefeito, assim como seu vice, terá que se articular para manter sua influência no tabuleiro eleitoral de Marechal Floriano.

Não contavam com minha astúcia!?

Articulações dos demais nomes colocados como pré-candidatos à prefeitura acontecem em silêncio. Cada movimento é friamente calculado. Há balão de ensaio, convite fake e reuniões sem fim. Junte a estes ingredientes, muita intriga para dissuadir quem fraquejar. Ao final, apenas um alcançará seu objetivo de governar a cidade.

Sigam-me os bons!

Tem pré-candidato a prefeito que garante registrar quase duas dúzias de candidatos a vereador, após as convenções. Há, também, quem afirme ter mais de trinta. Se serão quatro concorrentes na majoritária, o quase certo é vermos, nas ruas, gente pedindo voto pra valer e algumas figuras ilustres de nosso folclore. Vem aí as eleições das lendas urbanas e suas propostas peculiares.

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *