sexta-feira,
12 de julho de 2024

Vargem Alta e Alfredo Chaves: Banco público oferta crédito e financiamento para móveis e eletrodomésticos aos atingidos pelas chuvas

Redação

O Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) anuncia, nesta quarta-feira (10), um novo pacote de ações de ofertas de crédito e repactuação de dívidas, com o objetivo de atender a população de 13 municípios da região sul do Estado, gravemente afetada pelas fortes chuvas que aconteceram no final do mês de março, que são: Alegre, Alfredo Chaves, Apiacá, Atílio Vivácqua, Bom Jesus do Norte, Guaçuí, Jerônimo Monteiro, Mimoso do Sul, Muniz Freire, Muqui, Rio Novo do Sul, São José do Calçado e Vargem Alta.

Em Mimoso do Sul, o Banestes providenciou ainda um estande container para os atendimentos emergenciais, já que a agência localizada no município foi fortemente afetada pelas enchentes.

“O Banestes tem papel significativo no atendimento à população do Espírito Santo afetada em situações emergenciais. Faz parte do histórico da instituição oferecer condições especiais aos capixabas que precisam de suporte financeiro. Isso porque o Governo do Estado tem importante papel nesta ação, por meio da equalização da taxa para a oferta de linha de crédito a juros zero”, destaca o diretor-presidente do Banestes, Amarildo Casagrande.

Além disso, o Sistema Financeiro Banestes atua com frentes de mobilização social para o apoio aos capixabas em situação emergencial. “Neste mês, anunciamos com orgulho que o time de colaboradores do Banestes se uniu e arrecadou mais de R$ 41 mil para ser doado para a compra de bens e insumos para a população afetada. Com isso, o Banestes se comprometeu a dobrar o valor arrecadado. Ou seja, faremos uma doação de quase R$ 82 mil para a região”, enfatizou o presidente do banco.

Entre as ações de crédito disponíveis está a contratação de Microcrédito Emergencial, dentro do Programa Nossocrédito, no valor máximo de até R$ 21 mil, com taxa zero, equalizada pelo Governo do Estado do Espírito Santo. O Microcrédito poderá ser parcelado em até 36 meses, incluindo até 12 meses de carência, totalizando prazo total de 48 meses. Além disso, não será cobrada a Taxa de Abertura de Crédito (TAC). A linha atende tanto empreendedores Pessoa Física (PF) quanto Pessoa Jurídica (PJ).

Para os munícipes que já têm operações de microcrédito efetivadas com o banco, serão ofertadas condições de prazo de carência de até 12 meses e também de renegociação de dívidas para parcelas em atraso.

Outra opção para empreendedores afetados é a linha de Capital de Giro Emergencial no limite de até R$ 100 mil, com as taxa de CDI + 0,25%, número máximo de parcelas igual a 96 e carência máxima de 12 meses, sendo 108 meses de prazo máximo. Operações de Capital de Giro que já estejam em andamento com o Banestes poderão receber novo prazo de carência e de renegociação de dívidas para parcelas em atraso.

Crédito Consignado também será oferecido com características especiais para os cidadãos dos 13 municípios afetados. Funcionários públicos estaduais e municipais efetivos afetados pelas chuvas poderão contratar o crédito com taxa de 0,95% ao mês, em até 144 parcelas, com 06 meses de carência. Sendo que tais condições estão sujeitas às regras específicas de cada convênio.

O Banestes oferece ainda uma linha especial de Financiamento de Bens Emergencial para Pessoa Física, destinada a financiamento de mobiliários e de eletrodomésticos, no valor máximo de até R$ 21 mil, taxa de 0,95% ao mês, parcelamento em até 60 meses, com 12 meses de carência. A linha de crédito não está apta para financiamento de reformas ou de prestação de serviço.

Vale ressaltar que é obrigatória a apresentação de laudos comprobatórios que atestem que o cidadão teve a própria casa ou estabelecimento comercial atingido pelas chuvas, emitidos pela Defesa Civil, Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo (CBMES), Prefeitura Municipal ou agente de crédito (específico para a linha de Microcrédito). Essa condição é um pré-requisito para a contratação de todas as linhas de crédito emergencial anunciadas pelo Banestes. Além disso, todas as opções estão sujeitas às análises de crédito do banco.

Saiba mais:

Condições de Crédito Emergencial Banestes para população afetadas pelas enchentes na região sul do Estado:

Microcrédito Emergencial do Programa Nossocrédito

  • Valor máximo de até R$ 21 mil;
  • Taxa zero, equalizada pelo Governo do Estado do Espírito Santo.
  • Parcelamento em até 36 meses, incluindo até 12 meses de carência, totalizando prazo total de 48 meses;
  • Não será cobrada a Taxa de Abertura de Crédito (TAC);
  • A linha atende tanto empreendedores Pessoa Física (PF) quanto Pessoa Jurídica (PJ);
  • Opções de prazo de carência e renegociação de operações já contratadas.

Capital de Giro Emergencial

  • Valor máximo de até R$ 100 mil;
  • Taxa de CDI + 0,25%;
  • Parcelamento em até igual 96 meses e carência máxima de 12 meses, sendo 108 meses de prazo máximo;
  • Opções de prazo de carência e renegociação de operações já contratadas;
  • Para empreendedores que possuírem mais de um negócio afetado, o crédito será analisado por empreendimento;
  • Operações de Pronampe não serão repactuadas em razão da garantia do FGO.

Crédito Consignado

  • Crédito destinado para funcionários públicos estaduais e municipais efetivos afetados pelas chuvas;
  • Taxa de 0,95% ao mês;
  • Parcelamento em até 144 meses, com 06 meses de carência;
  • Tais condições estão sujeitas às regras específicas de cada convênio.

Financiamento de Bens Emergencial para Pessoa Física

  • Linha destinada para o financiamento de mobiliários e de eletrodomésticos;
  • Valor máximo de até R$ 21 mil;
  • Taxa de 0,95% ao mês;
  • Parcelamento em até 60 meses, com 12 meses de carência;
  • A linha de crédito não está apta para financiamento de reformas ou de prestação de serviço.
Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *