sexta-feira,
12 de julho de 2024

Homem é suspeito de matar a esposa e cometer suicídio no inteiror de Venda Nova

Redação

Um homem e uma mulher foram encontrados mortos no banheiro da própria casa, na zona rural de Venda Nova do Imigrante, comunidade dos Evangelistas, próximo ao distrito de Alto Caxixe, na madrugada desta quarta-feira (3). As infirmações são da Radio FMZ e da Polícia Militar.

De acordo com informações da Polícia Militar, um homem, que se identificou como filho do primeiro casamento do homem morto, acionou a polícia após chegar à casa do pai e encontrar ele e a madrasta mortos. Uma guarnição da PM e uma ambulância do SAMU foram ao local, que é de difícil acesso. Ao entrar na casa, os policiais encontraram o homem e a mulher sem vida, na cena do crime.

A perícia da Polícia Civil foi acionada e constatou a morte do homem por asfixia mecânica ocasionada por uma abraçadeira de nylon, popularmente conhecida como “enforca gato”. Já a morte da mulher foi causada por dois cortes de faca no pescoço. A suspeita é que o homem tenha assassinado a esposa e, em seguida, cometido suicídio. Horas antes, ele enviou mensagens, via whatsApp, para familiares e amigos se despedindo.

Após a perícia, os corpos foram encaminhados para o Serviço Médico Legal (SML) de Venda Nova do Imigrante. A faca utilizada no crime e os dois celulares das vítimas forma recolhidos pela perícia criminal.

O casal vivia junto há mais de 10 anos e tinha dois filhos pequenos. Familiares relataram à polícia que o casamento das vítimas era conturbado. A Polícia Civil de Venda Nova irá investigar o crime.

Compartilhe

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *