Menu

Notícia Capixaba - Navegação

Home Espírito Santo Polícia

Polícia


Cão policial Wookie é aposentado após oito anos de atuação na PCES

O cão estava na Polícia Civil do Espírito Santo (PCES) há oito anos e com seu faro apurado e obediência colaborou para a apreensão de drogas em diversas operações policiais

 

21.09.2022

 

 

Foto: PCES

 

Redação

 

O cão Wookie, que atuava na Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), da Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), foi aposentado na última sexta-feira (16). Ele atuava na instituição há oito anos e, com seu faro apurado e obediência, colaborou para a apreensão de drogas em diversas operações policiais.

 

Os cães policiais são aposentados após oito a dez anos de idade. Wookie chegou à Instituição com dois meses de vida, por meio de doação. Logo que entrou, foram realizados vários testes, que constataram seu potencial.

 

O agente de polícia e médico veterinário Jorge Morgado Neto foi o responsável pelo adestramento, socialização e treinamento do animal nesse período. Ele explica que Wookie é excepcional e sempre demonstrou habilidade, obediência e subordinação e tais características ajudam a realizar um bom trabalho.

 

Nesses anos de trabalho, Wookie participou de diversas operações policiais e se destacou por conseguir detectar entorpecentes em locais improváveis. O adestrador destacou uma operação no município de Venda Nova do Imigrante, com um terreno grande. O cão conseguiu detectar a droga que estava enterrada, obtendo êxito em apreender 375 pedras de crack. Em outra ação, na cidade de Anchieta, Wookie indicou em um quarto e jogou no chão 1.700 comprimidos de ecstasy, carga avaliada entre 50 e 80 mil reais.

 

Além do trabalho de detecção, o cão ainda participou ao lado do seu adestrador, do Projeto “Patrulha Canina”, que consiste em apresentar o trabalho do cão policial nas escolas, para crianças da faixa etária de dois a 12 anos.

 

Treinamento

 

Cães que atuam na detecção de drogas são treinados desde os primeiros meses de vida até estarem aptos a atuar nas operações policiais.

 

Até estar apto para o trabalho, os cães policiais passam por um período de adaptação ao ambiente, quando são levados a vários lugares para se adaptar com barulho, movimento e água. Ainda, faz parte do treinamento estímulo de caça, em que são apresentados odores de drogas como crack, maconha e cocaína, com o objetivo que eles façam a detecção e indiquem em qual local o material está escondido.

 

Aposentado, Wookie foi doado e está sob os cuidados de um policial da Core que seguirá aproveitando seu merecido descanso.

 

 

 

 

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site, e nos reservamos o direito de excluir. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa.

 

Comentários Facebook


Agora ficou mais fácil para você leitor,
sugerir pautas e interagir com o jornal.

 

  (28) 99938-5959

  noticiacapixabaes@gmail.com

  noticiacapixaba@noticiacapixaba.com

  redacao@noticiacapixaba.com

 

Siga-nos no Facebook!

Notícia Capixaba

 

O Portal Notícia Capixaba é campeão de acessos no segmento de portais de notícias regionais e se esforça para atender o cidadão com o que há de mais profissional em informação.

 

© Notícia Capixaba. Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web